6 dicas para prestar um bom atendimento na clínica

Voltar para Blog

Compartilhar

Categoria: Blog

Diante de um mercado tão disputado, é essencial atrair e fidelizar a preferência dos clientes. Entender as tendências de comportamento, as necessidades e desejos do público e investir em tecnologia são boas estratégias para aprimorar o atendimento em uma clínica.

É importante lembrar que oferecer um bom serviço exige uma visão mais ampla, a qual leva em consideração fatores como a organização do ambiente, a postura dos funcionários e a infraestrutura do estabelecimento.

Do contrário, a clínica pode perder espaço para concorrentes que ofereçam mais comodidade e eficiência aos usuários.

Sabendo da importância do atendimento para o sucesso da sua clínica, preparamos este post mostrando seis diferenciais interessantes que o seu negócio deve oferecer aos clientes quando o assunto é atendimento de qualidade. Acompanhe!

1. Ofereça uma boa infraestrutura

Uma boa infraestrutura é imprescindível em qualquer setor, e com uma clínica não é diferente. Por lidar diretamente com pessoas, o ambiente deve passar uma boa impressão tanto na limpeza quanto na organização.

Itens como os seguintes devem estar presentes:

  • recepção aconchegante, com um aproveitamento eficiente do espaço;
  • assentos confortáveis e suficientes;
  • TV e WiFi;
  • revistas, outros objetos de entretenimento, etc.

Esses itens, apesar de simples, dão mais conforto aos pacientes e não podem faltar em uma sua clínica.

2. Invista em treinamento de pessoal

Garantir um atendimento de qualidade na clínica exige que os colaboradores estejam bem preparados. Afinal, são eles os principais responsáveis pela condução da rotina do negócio.

O treinamento não se restringe apenas a secretárias, pois os técnicos, médicos e demais envolvidos no contexto das atividades também precisam estar aptos a melhorar a experiência dos pacientes e fidelizá-los. Lembre-se que uma equipe qualificada é um referencial para o sucesso.

3. Mantenha a organização e padronização de processos

A organização é fundamental em todos os aspectos, não há como negar. Do mesmo modo, processos padronizados e bem sequenciados também favorecem a execução de um atendimento de primeira.

Além de causar boas impressões, essas características asseguram que nenhuma tarefa ou etapa seja negligenciada pelos profissionais, de modo a prejudicar o andamento dos processos da clínica e, principalmente, a satisfação do paciente.

4. Conte com os recursos tecnológicos

As inovações tecnológicas atualmente se fazem presentes em diversas situações do dia a dia. Em uma clínica, elas poderão contribuir para organizar e agilizar as demandas existentes, reduzindo custos e aprimorando a qualidade dos processos.

Não aderir a essas novidades na área significa perder boas oportunidades de se diferenciar e, ainda, abrir espaço para a concorrência.

Por exemplo, um recepcionista treinado e apoiado pelo uso da tecnologia poderá ser mais produtivo, além de trabalhar com base em recursos mais modernos, como:

  • sistema de gestão da clínica;
  • equipamentos de automação;
  • plataformas informatizadas dos planos de saúde, etc.

Tarefas imprescindíveis que, quando realizadas com eficiência, melhoram o atendimento e contribuem para a boa comunicação, aumentam a produtividade e reduzem a incidência de erros.

5. Faça pesquisas de satisfação

A satisfação do cliente é conquistada com respeito e bom atendimento. Por isso, é fundamental realizar pesquisas de satisfação e saber qual a percepção do cliente em diferentes pontos da interação com a clínica, a exemplo:

  • marcação de consultas;
  • atendimento médico;
  • tempo de espera, entre outros.

Sendo assim, avalie tanto quanto possível a qualidade do trabalho prestado, pois, além de ser simples e viável, essa ação ajuda estabelecer uma boa relação com os pacientes.

6. Implemente estratégias de pós-venda

As estratégias de pós-venda são importantes em diferentes mercados. No entanto, na área da saúde, às vezes são negligenciadas.

Evite essa falha, afinal, o pós-venda pode assegurar a fidelidade do paciente, fazendo com que ele se sinta valorizado em razão da atenção recebida mesmo depois do atendimento e compartilhe sua boa experiência com outras pessoas.

Como foi apresentado ao longo do texto, o bom atendimento na clínica depende do aperfeiçoamento da parte gerencial e operacional do negócio.

Diante disso, leve cada item citado em consideração e busque manter a sua clínica em constante evolução. Certamente isso trará resultados positivos.

Gostou deste texto e quer aprender mais sobre atendimento? Então não deixe de conferir nosso post sobre como reduzir o tempo de espera na sua clínica de oftalmologia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar para Blog
Open chat